domingo, março 19, 2017

Ontem foi um dia difícil para o América FC...

Imagem: WhatsApp


Ontem foi um dia difícil para o América...

Um dia que certamente deixará sequelas e provocará algumas reflexões.

Entretanto, não tenho como fazer qualquer análise...

Não estava local e soube como todo mundo soube.

Particularmente, não gosto desse tipo de protesto...

Mesmo concordando que para o torcedor os tempos são difíceis, não acho que conversa com jogador resolva coisa alguma.

O que se viu ontem foi uma sucessão de erros e de excessos...

Em momentos ruins só o equilíbrio e a sensatez podem acabar trazendo alguma solução.

Abaixo às notas de repudio do América, de esclarecimento do grupo de torcedores e a de repudio e protesto do Sindicato dos Atletas de Futebol Profissional do Estado do Rio Grande do Norte – SAFERN...

Nota de repudio do América

O América Futebol Clube repudia de forma enérgica os atos lamentáveis ocorridos na manhã deste sábado (18), no Centro de Treinamento Dr. Abílio Medeiros, por torcedores que não representam a grande, apaixonada e pacífica nação alvirrubra. 

O treino de hoje, antes FECHADO, foi aberto para cerca de 60 "torcedores" que após conversa na portaria, a diretoria do clube, confiando na promessa de "protesto pacífico", autorizou a entrada dos mesmos que não cumpriram com a palavra e invadiram o campo de treino partindo para cima dos atletas que, com ordem do comando técnico, se dirigiram para o vestiário.

A partir daí "torcedores" passaram a denegrir, verbalmente, a imagens dos atletas que foram representados por Fred, Paulão, Somália, Memo e Dija Baiano, que ficaram para conversar e tirar as dúvidas daqueles que estavam lá para "protestar pacificamente".

Ainda na saída para o vestiário, atletas foram agredidos fisicamente, ato que não combina com o esporte e abominado por quem faz parte do Orgulho do Rio Grande do Norte.

É preciso que fique esclarecido que ali não estava a torcida do América.

Os verdadeiros torcedores estão envergonhados e chateados com a campanha no futebol.

Ali, na verdade, estavam membros de grupos organizados que se acharam no direito de "invadir" o ambiente de trabalho de quem faz o clube.

O América Futebol Clube está tomando todas as providências legais sobre caso para que as condições de civilidade prevaleçam.

O América reafirma que defenderá seus atletas, funcionários e seu patrimônio.


Nota de Esclarecimento do Movimento das Torcidas Organizadas

Os movimentos e torcidas organizadas do América Futebol Clube vem por meio desta prestar esclarecimentos à toda nação alvirrubra, bem como repudiar a nota oficial do clube sobre os protestos do dia 18/03/2017.

Inicialmente, queremos lembrar que o direito de liberdade de expressão (art. 5º, IV) e de reunião (art. 5º, XVI) são direitos garantidos pela Constituição Federal.

Munidos desse espírito democrático e revoltados com a situação em que se encontra o América Futebol Clube, fomos ao CT do América protestar pacificamente contra a direção omissa do América e contra a ausência de vontade do elenco.

Chegando ao local, estava fechado.

Após negociações, foi-nos permitido adentrar no CT para conversar com os jogadores.

Em NENHUM MOMENTO HOUVE AGRESSÃO aos jogadores ou coação.

Houve sim cobrança.

O único desentendimento de fato registrado envolveu um torcedor e o atleta Dija Baiano.

O atleta em questão chamou o torcedor para a briga, atitude esta REPROVADA pelo próprio elenco.

Após a conversa com os jogadores, saímos de lá e fomos à Sede Social do Clube onde colocamos faixas de protesto.

Lamentamos, por fim, que o clube, através de uma nota oficial, queira da forma mais vil, nos criminalizar e, principalmente, nos colocar contra a Torcida Americana ao dizer que não somos torcedores do clube.

Somos torcedores sim, muitos sócios-torcedores, que sempre dedicaram um pouco da sua vida ao América e que estão inconformados com o Conselho Deliberativo e com a direção comandada por Beto Santos e cia, pela situação atual vivida pelo América.

Isso apenas reflete o que se tornou o América e deixa claro a urgência de mudanças estruturais no clube, para que o clube possa trazer de volta seu associado para dentro do clube, com direitos estatutários, bem como caminhe para uma gestão técnica profissionalizada que nos tire do buraco que o Conselho e Beto Santos nos colocou.

#ForaBetoSantos
#ForaJussier
#ForaZéRocha

Att,

Torcida Twitteros do Mecão
Movimento Portão 5
Democracia Alvirrubra
Torcida Mecão Beer
META - Mecão Eu te Amo
Loucos do Mecão

Nota de Repudio e Protesto do SAFERN

O Sindicato dos Atletas de Futebol Profissional do Estado do Rio Grande do Norte – SAFERN – vem de público REPUDIAR e PROTESTAR contra o lamentável episódio ocorrido na manhã deste sábado(18.03) no centro de treinamentos do América Futebol Clube onde, no momento em que os atletas desempenhavam seu trabalho, foram subitamente agredidos e humilhados por cerca de 100 torcedores que invadiram o campo de treino gritando palavras de ordem, assédio moral por coação e constrangimento geradores de dano coletivo no exercício laboral.

O incremento do futebol passa pelas relações sadias entre todos os agentes envolvidos, clubes, federações, imprensa, patrocinadores, torcedores e atletas, restringindo aos trabalhadores o protagonismo.

Serve o presente instrumento, ainda, para NOTIFICAR o clube empregador a fim respeitar as Normas que tratam da segurança do trabalhador, art. 7º da C.F. e art. 483 da CLT, sem prejuízo das medidas judiciais a serem adotadas.

Felipe Augusto Leite

Presidente

Um comentário:

Fabiano Costa disse...

Nas duas últimas vezes q a organizada do ABC "motivou" os jagadores os resultados foram 5x0 pro Bragantino no Frasqueirão em 2011 ou 2012 e o rebaixamento pra série C em 2016.

FABIANO COSTA - ABC FC 2017.