domingo, abril 21, 2019

O "invasor" mais querido da história... Liga Endesa de Basquetebol, Espanha.

Enquanto uma esperou pela outra, a bola não esperou pelas duas...

Imagem: Philip Oldham/BPI/Rex/Shutterstock

A lutadora iraniana Sadaf Khadem não pretende voltar para o Irã...

Imagem: Stéphane Mahé/Reuters

Sadaf Khadem, primeira iraniana a disputar uma luta oficial de boxe, não vai mais voltar para casa...

O motivo?

Um mandado de prisão emitido pelas autoridades iranianas contra ela e Mahyar Monshipur.

Qual foi seu crime?

Não usar o hijab, durante a luta em que venceu a pugilista francesa Anne Chauvin, num embate promovido por Mahyar Monshipour, um campeão de boxe nascido no Irã, agora, cidadão francês...

Consultadas, as autoridades iranianas afirmam que não há nenhum mandado de prisão contra Sadaf Khadem ou Mahyar Monshipour.

Hossein Soori, chefe da Federação de Boxe do Irã, negou que Khadem seria presa, atribuindo a informação à "mídia ligada à Arábia Saudita"...

"A Sra. Khadem não é membro dos atletas organizados (do Irã) para o boxe e, do ponto de vista da Federação de Boxe, todas as atividades dela são pessoais", disse ele à agência de notícias "Isna".

A participação das mulheres iranianas em eventos esportivos é restrita, embora as autoridades estejam começando, mesmo com má vontade, a ceder em alguns setores do esporte após anos de pressão em campanhas realizadas por grupos de direitos das mulheres...

Atualmente a federação, autorizada pelo governo, permite que as mulheres se registrem para lutar, desde que sejam treinadas por uma mulher e usem o hijab islâmico durante as competições.

Alô, alô, Glasgow, aquele abraço...

Imagem: Mark Runnacles/Getty Images

Campeão italiano pela Juventus, Cristiano Ronaldo é primeiro futebolista a ganhar as Ligas da Inglaterra, Espanha e Itália...

Imagem: Autor Desconhecido

A Juventus conquistou seu oitavo Scudetto consecutivo e o primeiro Cristiano Ronaldo vestindo a camisa da equipe de Turim...

Com este título, Ronaldo se converte no primeiro futebolista da história a ganhar a Premier League, a Liga da Espanha e a Liga italiana.

sábado, abril 20, 2019

O Manchester United vai uma limpeza geral... Nem as estrelas devem escapar.

Imagem: John Peters/Man Utd via Getty Images

Ole Solskjaer já havia alertado para a necessidade de uma "reconstrução" no Manchester United...

Ao que parece o treinador será atendido.

Segundo o 'The Times', pelo menos 15 jogadores podem devem ser dispensados...

Entre eles não faltam estrelas e nem motivos para o fim da relação.

Aqui, os possíveis dispensados e os motivos da dispensa:

Altos Salários

Aléxis Sánchez
Marcos Rojo
Matteo Darmian

Inadaptação ao estilo de jogo

Ashley Young
Matic
Lukaku

Falta de compromisso

Ander Herrera
David de Gea
Paul Pogba

Má forma (cronica...)

Anthony Martial
Chris Smalling
Phil Jones

Outras razões

Antonio Valencia
Eric Bailly
Juan Mata

Imagem: Matt West/BPI/Rex/Shutterstock